Pouca terra… Pouca terra…

Da janela observava O comboio a passar Pouca terra... Pouca terra... À noite janelas iluminadas Desvendavam pessoas sentadas Que passavam a correr Muita terra... Muita terra... De dia braços, rostos à...

Memórias e afetos – Qual a minha profissão?

Quando eu me finar, Não sei que ofícios me vão armar… A minha vida foi de tal modo vivida, Sonhada em catraio, existida, Onde não faltava a esperança Apetecida...

Cortejo da Mordomia

Vai a moçoila ourada com rigor No Cortejo da sua Mordomia, Exibindo chieira e alegria E sorrindo aos deuses do Amor, Quando os assistentes, em clamor, Na expressão de...

Agonia

A morte chegou, negra, ao chão desses montes. A vida que dantes neles fervilhou, Jaz, agora, em cinzas, entre sopros quentes E loucos gemidos, que o vento...

A Serenata morre no mar…

Vem o Lima suave, lá do monte, Descendo entre vergéis de verde manto, À espera de lograr o doce pranto Das lágrimas, choradas pela Ponte, Que, caindo da...

Dia do Pai – Homenagem Filial

Meu santo Homem a quem chamo Pai som que se esvai em névoa e nostalgia...! és o meu Herói, no pedestal do peito, que mais enfeito, quando...

Ancestralidade

Vem de longe, MULHER, a tua história, Da alvorada do tempo, em expansão. Entre feras e medo e ramaria, Foste fêmea e mãe, na escravidão. Sob malvada e...

Em Abril

Em abril foi como se fosse em Santa Luzia, o monte, manhã de claro sol e bonançoso mar. O ar estava despoluído, o horizonte ilimitado e o verde, o verde nem azeitona, nem esmeralda, o...

Pôr-do-sol

Mil diamantes sobre a água, a cintilar. Tremeluzem entre barcos, a navegar. A brisa vem do mar, a sussurrar, Diz-me em segredo: - o sol vai naufragar! Meus...

Tempo

Viana do Castelo, Portugal
neblina
17.7 ° C
19.4 °
16.7 °
100 %
2.6kmh
75 %
Sáb
18 °
Dom
20 °
Seg
20 °
Ter
20 °
Qua
19 °

Últimas

A não perder: