Não leves a violência na desportiva’ é a campanha da Federação Académica do Desporto Universitário (FADU) para a época desportiva 2021/2022, que visa prevenir e combater a violência no desporto universitário. A campanha – que será promovida nas participações nacionais e internacionais – pretende alertar os estudantes-atletas, técnicos, dirigentes e intervenientes do desporto universitário para a irradicação de comportamentos que não promovam o fairplay e a competição saudável.

De acordo com o presidente da FADU, André Reis, a opção pelo tema da violência no desporto é ‘algo abrangente, uma vez que inclui as várias problemáticas, como o racismo, a xenofobia e as questões de género, que a FADU quer combater, a partir da consolidação dos princípios de fairplay, igualdade e tolerância, que o desporto universitário deve promover’. André Reis considera fundamental assumir uma posição devido ao papel de sensibilização que a FADU tem para as questões sociais, contribuindo para a prevenção e combate à violência no desporto. ‘Não há espaço para a violência no desporto, nem na sociedade’, refere.

 

À semelhança do que aconteceu nas Fases Finais dos Campeonatos Nacionais Universitários da época passada, o cartão branco, implementado pela FADU em parceria com o Plano Nacional de Ética no Desporto do Instituto Português do Desporto e Juventude, vai continuar a vigorar nas competições universitárias. ‘A experiência nas Fases Finais 2021 correu muito bem. O cartão branco foi exibido oito vezes para promover os bons comportamentos dos nossos estudantes-atletas’, disse. De forma a estender esta prática na época que agora se inicia, o presidente da FADU afirma que se está a averiguar a melhor forma de implementar o cartão branco em todas as competições, no sentido de sensibilizar os estudantes-atletas das diferentes modalidades.

Também de acordo com esta campanha de sensibilização, a FADU leva a cabo o módulo ‘Valores e Ética no Desporto’ inserido na I Edição do Curso de Formação de Dirigentes e Treinadores da Academia FADU, esta semana, na quarta e sexta-feira. O módulo contará com os formadores José Lima, coordenador do Plano Nacional de Ética no Desporto (PNED), e com Isabel Baltazar, embaixadora do PNED.

page2image42753920

Recorde-se que a FADU promoveu a campanha ‘Não à Violência no Desporto’ nos Jogos Europeus Universitários de Coimbra, em 2018, tendo os capitães das equipas portuguesas envergado uma braçadeira branca, com a frase alusiva à campanha, em todos os jogos da competição.