À porta de completar 20 anos de existência e de programação permanente nestas duas décadas, caso único no Alto Minho, a Casa das Artes de Arcos de Valdevez retoma a sua programação regular, com ofertas programáticas diversas e enfocadas em vários públicos.

Em outubro o espaço cultural arcuense recebe na noite de 10, o concerto de Manel Cruz e no final do mês o de Bárbara Tinoco.

Novembro inicia a 07 com o concerto de David Fonseca, seguido dos Fingertips e no dia 28, o concerto intimista de Rita Guerra.

O mês de dezembro acolhe dois projetos internacionais: a 05 a única apresentação no nosso país do projeto “La Nave de Teseo” dos catalões Puerto Flamenco, uma das maiores companhias espanholas de dança tradicional e contemporânea, e ainda o concerto do trio de gospel The Sey Sisters, a 19 de dezembro.

O cinema terá igualmente o seu espaço, com exibições em todos os fins de semana de diferentes propostas da Sétima Arte, acompanhando também as estreias de maior importância, e ainda um Ciclo dedicado a Tim Burton.

O Auditório da Casa das Artes inicia assim a sua atividade no último trimestre do ano, também com diversas melhorias de qualidade, segurança e conforto, como tela de projeção de alta resolução, novas cadeiras, sistema de climatização com renovação total do ar e os últimos sistemas de higienização e segurança.