A Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho) informou que se encontra a implementar, no âmbito do projeto “INFORISK – Informar sobre os riscos associados às alterações climáticas no Alto Minho”, uma ação inovadora de comunicação, sensibilização e de capacitação de atores, com o propósito de reforçar a capacidade de comunicação e disseminação de informação sobre os riscos associados às alterações climáticas no Alto Minho.

“A implementação deste projeto, que se pretende abrangente, inclusiva, participativa e ajustada ao contexto territorial do Alto Minho, pressupôs, num primeiro momento, a recolha de testemunhos e contributos junto de um diversificado painel de especialistas. Em estreita articulação com estes e visando, por um lado, avaliar qual o grau de conhecimento e envolvimento da população do Alto Minho em matéria de risco e de alterações climáticas e, por outro, caraterizar os comportamentos adotados na iminência e/ou face a uma situação de risco, foi desenvolvido um inquérito online dirigido à população em geral”, deu nota a CIM Alto Minho.

O inquérito está disponível até ao próximo dia 16 de maio através do linkhttps://forms.gle/Bfr8vvcYn4N8hK9E6 ou no site da CIM Alto Minho em www.cim-altominho.pt, é anónimo e o respetivo preenchimento é voluntário e gratuito.

A informação recolhida “será objeto de tratamento estatístico e os resultados obtidos serão partilhados no decurso da implementação deste projeto, do qual a CIM Alto Minho é a entidade promotora, sendo cofinanciado pelo Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (PO SEUR)”.