Um homem de 27 anos, foi detido em Vila Nova de Cerveira por violência doméstica e depois de ter sido presente ao Tribunal Judicial de Viana do castelo, ficou impedido de contactar a vítima, ficando com pulseira eletrónica.

O homem foi detido no dia 29 de outubro, “no seguimento de uma investigação pelo crime de violência doméstica”. Os militares do Comando Territorial de Viana do Castelo, através do Núcleo de Investigação e de Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) detetaram que “o suspeito, que já havia sido detido pelo mesmo crime no início de outubro, incumpriu com as medidas de coação de afastamento da vítima, ainda que controlado por pulseira eletrónica. Desta forma, foi dado cumprimento a um mandado de detenção”.