O “auto de consignação” da obra foi assinado na manhã desta segunda-feira, na presença do ministro do Ambiente.

O Edifício Jardim, mais conhecido por Prédio Coutinho, encontra-se desocupado há mais de um mês.

Em setembro iniciar-se-á a desconstrução do imóvel, numa operação de mais de um milhão de euros e que se arrasta há mais de 20 anos.

Mais informações na edição impressa desta semana.