Os eleitores que estejam em isolamento devido à covid-19 vão poder votar no dia 30 de janeiro, com recomendação de o fazerem das 18h às 19h.

“O período mais adequado será, provavelmente, a última hora, entre as 18h e as 19h”, explicou a ministra da Administração Interna, Francisca Van Dunem.

O Governo tomou a decisão após receber um parecer do conselho consultivo da Procuradoria-Geral da República (PGR). “O parecer (…) concluiu que os eleitores que se encontrem em confinamento obrigatório determinado pelas autoridades de saúde podem sair Don local do confinamento no dia 30 para estritamente exercerem o direito de voto”, informou a ministra.

Francisca Van Dunem salientava que o Governo vai fazer alteração legislativa para “consentir esta exceção das pessoas saírem de casa para exercerem o direito de voto”.