Arranca hoje, 25 de maio, às 21h45, o ciclo de conversas informais “Eu cá, tu lá”, promovido pela produtora A Tempo.

A iniciativa decorre semanalmente, às segundas e quintas-feiras, e reúne um músico e um convidado diferente, cujo trabalho está relacionado com áreas iminentemente criativas, como as artes plásticas, a arquitetura, a fotografia, as artes performativas, o universo musical ou a comunicação.

A estreia, no dia de hoje, cabe à dupla constituída pela artista brasileira Mônica Salmaso e pelo arquiteto Manuel Aires Mateus, estando já confirmado o contributo de Luísa Sobral/Carlos Tê (28 de maio); Mário Laginha/João Rodrigues (01 de junho); Luís Tinoco/Rui Horta (04 de junho); Ricardo Toscano/Catarina Furtado (08 de junho); Sérgio Godinho/ Sérgio Mah (15 de junho) e Pedro Moreira/Beatriz Batarda (em data a confirmar brevemente).

 

“Eu cá, tu lá” tem como objetivo combater a estagnação das artes performativas, fomentando o cruzamento de perspetivas sobre a sua situação atual.

A mudança de paradigma que se tem vindo a assistir, fruto das restrições inerentes à pandemia da COVID-19, faz com que alguns dos eventos culturais transitem para o online, a grande maioria de forma gratuita.

O projeto apela a que as iniciativas digitais passem a ser pagas, pelo que o ciclo de conversas, que é aberto ao público em geral, convida os espectadores a contribuírem com um valor simbólico, a partir dos dois euros.