A organização do “Folkmonção – o Mundo a Dançar” anunciou, ontem, 21 de maio, o cancelamento da edição de 2020, afirmando que o festival regressa em 2021 e “será o mais bonito de sempre”.

Fonte da organização apelava “à compreensão do nosso querido público, patrocinadores, parceiros e mecenas, mas o compromisso com a saúde e com a segurança de todos, será sempre o vértice mais importante do Festival”.

“Esta é, provavelmente, a decisão mais difícil que tomamos após 35 edições de Folkmonção. No entanto, não podemos continuar a preparar a edição de 2020, estando conscientes de que o nosso Festival possa vir a ser um foco de contágio e provocar reincidência da Covid-19. Lembramos que contamos com a participação de grupos folclóricos vindos dos cinco continentes, numa festa que apela à paz e à união entre todos os povos desde 1985”, acrescentam. Adiantando ainda que “Temos sido acarinhados e acolhidos por um público maravilhoso que nos brinda com a presença de mais de cinco mil pessoas por cada actuação que fazemos no Alto Minho e na vizinha Galiza. Este cruzamento geracional e mundial, que junta famílias, amigos, residentes e emigrantes, sustenta a nossa decisão: não podemos colocar em causa a proteção e a saúde daqueles para quem fazemos o festival e daqueles que contribuem para a sua existência”.