Ontem, dia 09 de setembro, a Guarda Nacional Republicana, através do Posto Territorial de Ponte de Lima deteve um homem, de 49 anos, por posse de arma proibida e artigos pirotécnicos na mais “antiga vila” de Portugal.

Numa nota enviada às redações, fonte da GNR explica que a detenção aconteceu na “sequência de um processo de penhora, em que os militares da Guarda se deslocaram ao local e, no decorrer das diligências policiais, foram apreendidos 35 detonadores pirotécnicos, 9,90 metros de rastilho e uma arma de fogo”.

O homem foi constituído arguido, e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Ponte de Lima