default

O executivo municipal, em reunião ordinária, aprovou um conjunto de propostas de apoio às Juntas e Uniões de Freguesia do concelho no valor global de 195.950 euros.

A fatia maior aprovada pelo executivo da Câmara Municipal de Viana do Castelo vai para a proposta Apoio às Juntas e Uniões de Freguesias – Construção e Requalificação de Equipamentos, que ascende a 151.680 euros, beneficiando seis freguesias.

Para Alvarães, foram aprovados 20.000 euros para a 2ª fase da aquisição de terreno para construção da Unidade de Saúde de Alvarães. Já para Chafé foram aprovados 9.000 euros para a elaboração de projeto para a Casa da Cultura.

A freguesia de Lanheses irá receber 17.680 euros para obras de refuncionalização de edifício da antiga sede da Junta, que irá proporcionar a instalação de ATM. Já Mujães irá receber 30.000 euros para a 3ª fase da ampliação do Cemitério.

Para São Romão de Neiva, foram aprovados 25.000 euros para a 1ª fase de instalação de parque infantil e de fitness e para Vila de Punhe 50.000 euros para a 2ª fase da requalificação do Cemitério.

De acordo com o Presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo, Luís Nobre, estes apoios surgem para “alavancar respostas no território nos domínios dos serviços, social, cultural, desportivo e económico, destacando-se a construção, reabilitação e refuncionalização de espaços para respostas administrativas, de convívio e lazer, lúdicas (parques infantis) e culturais, respondendo às dinâmicas de desenvolvimento de cada freguesia, valorizando e garantindo convergência de meios e otimização de recursos, na garantia da qualidade de vida e bem-estar dos seus habitantes”.

Já a proposta de Apoio às Juntas e Uniões das Freguesias – Mobilidade, Segurança rodoviária e material circulante implica 39.700 euros para duas freguesias, nomeadamente Outeiro, com 4.700 euros, para reperfilamento do Caminho da Lagarteira, e Vila Nova de Anha, com 35.000 euros, para a conclusão de execução de passeios e estacionamento na Avenida do Cruzeiro.

“Apesar dos progressos assinaláveis, o executivo municipal e as Uniões e Juntas de Freguesia pretendem dar continuidade à forte política de investimento” assegura o autarca.

A proposta promete a concretização de ações e obras de construção de novas vias e obras de arte, reperfilamento da rede viária e obras de arte existentes, requalificação de pavimentos, execução de novas e requalificação de interseções existentes, construção e requalificação de espaços pedonais existentes, ampliação estrutural da rede de ciclovias e ecovias, construção e requalificação de espaços de estacionamento e infraestruturas de transportes públicos/coletivos (baias e paragens), supressão de passagens de nível (construção de passagens inferiores e superiores rodoviárias e pedonais) e implementação de um extenso plano de sinalização horizontal (pinturas) e vertical (sinais), dedicando no Plano de Atividades e Orçamento de 2023, para o efeito, mais de 8,1 milhões de euros que, concluído, permitirá elevar os níveis de segurança da estrutura/rede viária do concelho e a qualidade de vida dos respetivos espaços territoriais”.

Por fim, foi aprovada a proposta de Apoios às Juntas e Uniões das Freguesias – Requalificação Urbana/Centros Cívicos, que deliberou 4.570 euros para a requalificação da zona envolvente ao alçado posterior do Casino Afifense.