A Câmara Municipal de Viana do Castelo presta hoje homenagem ao professor e etnógrafo Francisco Sampaio com o lançamento de uma Coletânea de Textos publicados na revista “A Falar de Viana”, no dia em que esta figura incontornável do turismo celebra o 84.º aniversário.

A cerimónia, que acontece no Teatro Municipal Sá de Miranda, visa assim destacar aquele que foi um dos maiores impulsionadores da criação do Museu do Traje e um dos maiores conhecedores das tradições em torno da Romaria em Honra de Nossa Senhora da Agonia.

Para o edil vianense, José Maria Costa, sendo Francisco Sampaio um dos grandes conhecedores da rainha das romarias, esta publicação assume-se como um valioso documento sobre a nossa etnografia, história e tradições.

Recorde-se que, já em junho de 2019, o Município atribuiu o nome de Dr. Francisco Sampaio à galeria do piso 0 do Museu do Traje. A homenagem do Município aconteceu porque, de acordo com autarca, “o Museu do Traje tem muito da mão dele”.

Na altura, o presidente da Câmara considerou mesmo que Francisco Sampaio, juntamente com Amadeu Costa e Francisco Cruz, ambos já falecidos, formava “um trio fabuloso na organização das festas”.

Francisco Sampaio exerceu, entre outras funções, a de Técnico Superior do Centro de Saúde Mental de Viana do Castelo, Professor do Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC), presidente da Comissão Regional de Turismo do Alto-Minho, desde 1980 até se reformar.

É autor de dezenas de títulos, que versaram sobre temas de caráter histórico, arqueológico, turístico, etnográfico e gastronómico, tendo sido também colaborador de várias publicações do Alto Minho. Redigiu o estudo que serviu de base à Declaração de Interesse para o Turismo da Romaria d’Agonia, que foi aprovada em 2013.