A Polícia Judiciária anunciou hoje, 05 de fevereiro, a detenção de suspeitos de atear fogo em oficina no início do mês de janeiro, em Arcos de Valdevez.

No total foram identificados três suspeitos, um homem, de 41 anos e duas mulheres com 24 e 27 anos e estão acusados do crime de “prática de crimes de incêndio em edifício, homicídio qualificado na forma tentada e burla relativa a seguros qualificada, igualmente na forma tentada”.

O incêndio, que deflagrou numa oficina de motos provocou a morte de um jovem de 25 anos. Este terá sido interveniente na deflagração, “com recurso a produto inflamável”, refere a PJ em comunicado.

Os detidos vão ser presentes às autoridades judiciárias competentes, para primeiro interrogatório e aplicação de medidas de coação