O filme “Em cada passo, um sentido”, criado para promover o Caminho Português da Costa, conquistou o primeiro lugar na secção Destinos Turísticos: Cidades / locais, no ART&TUR – Festival Internacional de Cinema de Turismo. A vereadora vianense com o pelouro do Turismo, Maria José Guerreiro, recebeu o galardão na cerimónia que aconteceu no palco do Teatro-Cine de Torres Vedras.
“Em cada passo, um sentido” acompanha um peregrino de Santiago de Compostela, numa narrativa em primeira pessoa, durante o percurso através do Caminho Português da Costa. 
Foi realizado por António Luís Campos, com produção de João Rosa e locução de André Domingues. Com a companhia constante do Oceano Atlântico, o Caminho Português da Costa é considerado um dos percursos mais suaves, mas o trajeto completo exige esforço, pois  tem cerca de 250 quilómetros e passa por 10 municípios da costa norte portuguesa, os mesmos que integram esta iniciativa de promoção, nomeadamente: Porto, Matosinhos, Maia, Vila do Conde, Póvoa de Varzim, Esposende, Viana do Castelo, Caminha, Vila Nova de Cerveira e Valença. 
 
“Alto Minho Destino Sustentável TOP 100 – Green Destinations”
Entretanto, o filme “Alto Minho Destino Sustentável TOP 100 – Green Destinations”, da Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho), acaba de ser galardoado com o primeiro prémio na 12.ª edição do ART&TUR – Festival Internacional de Cinema Turístico, na categoria Ecoturismo. O anúncio foi feito também em Torres Vedras, durante o mesmo festival internacional.
O filme foi realizado no âmbito da candidatura submetida ao programa Green Destinations Awards, no âmbito do qual o Alto Minho viu renovada a sua posição no Top 100 de Destinos Sustentáveis do mundo, além de ser também distinguido com o galardão Platinum QualityCoast/Green Destinations Award (Destino Verde/Costeiro Platina).
Este filme tem a assinatura de Martin Dale, um britânico residente há mais de 20 anos em Arcos de Valdevez.