A Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho), promove, no dia 10 de setembro, terça-feira, em Monção, a 8.ª conferência integrada no ciclo de conferências “Alto Minho 2030 – Balanço 2014-2020, Perspetivas & Propostas de Ação 2030”, subordinada ao tema “Um Alto Minho mais próximo dos cidadãos”.

Tendo lugar na Biblioteca Municipal de Monção, a partir das 17h15, o objetivo deste ciclo de conferências é promover o debate e a reflexão coletiva sobre as prioridades de desenvolvimento e as principais iniciativas/projetos a concretizar neste espaço regional no horizonte 2030.

A conferência prevê várias intervenções:

– “Programa Nacional de Promoção do Sucesso Escolar: Balanço 2014-2020, Perspetivas e Propostas de Ação 2030”, que será abordada por Helena Fonseca, do PNPSE – Programa Nacional de Promoção do Sucesso Escolar.

– “Qualificação e Ensino Profissional: Balanço 2014-2020, Perspetivas e Propostas de Ação 2030”, por um representante da Agência Nacional para a Qualificação e o Ensino Profissional (ANQEP).

– “Cultura no Alto Minho: Balanço, Perspetivas e Propostas de Ação 2030”, por Luís Sebastian, da Direção Regional de Cultura do Norte (DRCN).

– “Instrumentos Territoriais no Portugal 2020: Lições da experiência”, a cargo de Duarte Rodrigues, da Agência de Coesão (AD&C).

A sessão de abertura estará a cargo do presidente da CIM Alto Minho, José Maria Costa, e do presidente da Câmara Municipal de Monção, António Barbosa.

O programa completo da conferência, a qual conta com o apoio do PO Norte 2020, bem como o formulário de inscrição, encontram-se disponíveis no website da CIM: http://www.cim-altominho.pt/gca/index.php?id=1393.