O navio World Voyager partiu hoje de manhã, dia 11 de agosto, dos estaleiros da West Sea. A informação foi avançada pelo empresário Mário Ferreira, proprietário da empresa Douro Azul e da Mystic Cruises e dono do novo navio construídos nos extintos estaleiros navais.

“Saiu hoje muito cedo e com nevoeiro dos estaleiros de Viana o nosso segundo navio oceânico de expedições, o World Voyager iniciou uma viagem de quatro dias de testes de mar, dois navios na água mais quatro a caminho…”, informou Mário Ferreira, na sua página de Facebook.

O empresário agradecia a todos os colaboradores da West Sea. “Parabéns a todos os funcionários envolvidos, que neste caso tiveram a dificuldade acrescida nos últimos meses de lidar com a COVID 19. Estou certo que partilhamos todos do orgulho de ver este belo é elegante navio a navegar. Obrigado”.

O empresário aguarda ainda a construção do World Navigator e recentemente formalizou com a Martifer a compra de mais quatro navios.

Os contratos dizem respeito à construção de quatro navios de Expedição Polar Classe ‘ICE’ da gama Explorer.

“Os navios de Expedição Polar da gama Explorer são da classe de Cruzeiro, construídos com base no Código Polar (classe de gelo), sistema de Propulsão Híbrida e com a capacidade de acomodar 200 passageiros e 112 tripulantes, de acordo com os mais elevados padrões de qualidade e conforto. Estes navios fazem parte do plano de expansão da Mystic Cruises no segmento de cruzeiros internacionais de luxo“, referiu, na altura, a Martifer.

A Martifer indica que, com esta nova encomenda, a Mystic Cruises totaliza uma “frota de sete navios desta gama que se revelam como verdadeiros embaixadores de Portugal, levando aos quatro cantos do mundo um enorme conjunto de marcas portuguesas que integram a sua construção”.