Roubo – Na noite de domingo para segunda-feira penetraram os ladrões no Tribunal das Audiencias d`esta cidade , subindo por uma escada, que encostaram à parede, para lhes facilitar a entrada pelas janellas do tribunal.

Parece que o intuito d`aquelles meliantes não era roubar alguma coisa que alli existisse, mas sim arranjar passagem para a egreja e sacristia de S. Domingos, contigua á casa do Tribunal, como o prova um rombo feito no amphitheatro do mesmo, e o arrombamento da fechadura da porta de communicação para a dita egreja.

Seja como fôr, o que é certo é que os ladrões sempre foram levando do Tribunal algumas baietas e banbinellas das janellas, tudo no valor de cerca de réis 20$000.

Próximo ao local do roubo, em um campo com milho semeado, foi encontrada a escada de que os ladrões se tinham servido.

O digno juiz de direito da comarca mandou levantar logo o competente auto, e procede-se nas mais diligencias legaes.