O Hotel de Santa Luzia
Voltamos á montanha de Santa Luzia e penetramos novamente no grandioso hotel, um dos mais pinturescos, senão o mais pinturesco ponto de vista do paiz.
Certificamo-nos de visu do progresso das obras de restauração a que se ha procedido no hotel e notamos também, no mesmo, o adiantado da instalação electrica cuja luz sae a jorros illuminar o soberbo edificio, dominando vasto panorama surprehendente de terra e mar que a nossa vista não se cança de abarnager no mais maravilhoso dos extases.
Exteriormente áquella casa, que se vem preparando condignamente para se tornar um dos locaes mais favoritos do turismo, vão tomando vulto as diversas dependencias que lhe dizem respeito, como entre outras, uma ampla garage e o jardim áquella fronteiriço, para devaneio dos hospedes, servido do lado sul por um elegante pórtico e uma bem lançada escadaria que, torcicolando, lhe dá accesso e encurta o caminho para o hotel.
Empregam-se n`esse mister bastantes operarios que trabalham activamente para ser entregue á exploração em um dos proximos dias o melhor hotel de provincia.
Sim, o melhor hotel, pela sua esthesia, pelo seu conforto, pela amplitude das suas dependencias, aprimorado gosto das variadas instalações, luxuosa mobilia e, sobretudo, pelo encanto da paisagem que elle offerece aos nossos olhos.
Insistimos na necessidade de preservar o edificio de uma natural descarga electrica atmospheirca, levantando-se para isso alli os convenientes para-raios.
Seria de uma condemnavel imprevidencia menosprezar tal atributo, que se impõe n`aquelle ponto pela altura a que elle attinge.