Segundo uma notícia avançada pela rádio T.S.F., há uns tempos, um fruticultor alentejano, de Borba, (?) indignado com a importação da fruta para o nosso país, resolveu empreender uma volta a Portugal numa “charrete”, a 10 quilómetros/hora por sua conta e risco, durante cinco meses. O objetivo era sensibilizar os portugueses a adquirir fruta nacional, […]
Para ler a restante notícia, deverá ser assinante do Aurora do Lima. Subscreva uma das assinaturas para ter acesso às anteriores edições do Aurora do Lima. Faça Log in ou assina já.