Antigamente, os sinos tocavam a rebate, em casos de perigos eminentes. A modernidade criou instrumentos mais rápidos e mais eficazes para tal  função. A vocação dos sinos é a de evocar festivamente a trajetória histórica da Criação. A vocação dos sinos, simbolicamente, não é apocalíptica. Deve celebrar os grandes tempos da “ordem natural” das coisas […]
Para ler a restante notícia, deverá ser assinante do Aurora do Lima. Subscreva uma das assinaturas para ter acesso às anteriores edições do Aurora do Lima. Faça Log in ou assina já.