Enquanto jovem, teria cerca de 10/11 anos, juntamente com outros colegas da mesma aldeia, Neves, Vila de Punhe, caçava passarinhos. Era um hábito daquela época. As ratoeiras feitas de arame, em forma de meio círculo, com molas que faziam disparar um arame contra o outro, eram espalhadas pelos campos ao final da tarde para, na […]
Para ler a restante notícia, deverá ser assinante do Aurora do Lima. Subscreva uma das assinaturas para ter acesso às anteriores edições do Aurora do Lima. Faça Log in ou assina já.