No Domingo anterior ao dia litúrgico de Santo Antão, a 17 de Janeiro, os devotos de Santo Antão, acompanhados dos seus animais domésticos,  sobem à ermida, situada nos limites da paróquia de Venade no Monte de Santo Antão.

Às 15h do dia 13 de janeiro deste ano tem início a celebração da bênção dos animais domésticos.

Após a meditação da Palavra de Deus, que narra a criação dos animais por Deus (Gn 1); a entrega dos mesmos a Adão, que lhes dá o nome (Gn2); a salvação dos animais na arca de Noé (Gn6); a profecia que indica os animais como promotores de paz e exemplo para o ser humano (Is 11), os donos apresentam as criaturas para a bênção de Santo Antão.