Não foi em razão das recentes greves dos combustíveis que a curiosa estrutura da antiga bomba de gasolina existente no lado ocidental do largo Capitão Gaspar de Castro, em Lanheses, menos ainda por qualquer ato de macabro terrorismo, que de um momento para o outro ficou reduzida a um fragmentado monte de detritos de cal […]
Para ler a restante notícia, deverá ser assinante do Aurora do Lima. Subscreva uma das assinaturas para ter acesso às anteriores edições do Aurora do Lima. Faça Log in ou assina já.