Destes, 40% apresentam aspiração para a via aérea de forma silenciosa (sem tosse). A esmagadora maioria das vezes estas alterações são transitórias, cerca de 80% dos doentes recuperam parcial ou totalmente durante as duas primeiras semanas pós-AVC, mas cerca de 15% dos sobreviventes de AVC apresentam alterações da deglutição aos 3 meses pós-AVC. Entre as […]
Para ler a restante notícia, deverá ser assinante do Aurora do Lima. Subscreva uma das assinaturas para ter acesso às anteriores edições do Aurora do Lima. Faça Log in ou assina já.