O pescador vianense que, até à hora do fecho desta edição, se encontra desaparecido desde 28 de dezembro, quando se encontraria a pescar ao largo de Viana do Castelo, não usava colete salva vidas, conforme informação da Capitania do Porto de Viana à comunicação social.

Arisberto Guia (Berto) saiu para a pesca lúdica na parte da manhã e a embarcação de recreio, com seis metros de comprimento, que usava, foi encontrada pelas 17h10, ao largo de Viana do Castelo, a cerca de seis quilómetros a oeste da cidade, sem “ninguém no seu interior”.

Cerca de uma hora antes, a sua mulher tinha dado o alerta, após não o conseguir contactar por telemóvel. Natural e residente na cidade, Berto tinha 64 anos de idade e era uma figura popular na Ribeira, onde era conhecido por Berto e cantar fado.