Entre 1966 e 2018, usando variados materiais e técnicas diferenciadas, o artista Piontimeira produziu um vasto conjunto de obras sobre papel e cartão, encontrando-se a maioria delas em coleções privadas, públicas ou institucionais. A partir da década de 1970, para coleção própria, começou a guardar alguns desses trabalhos, em número muito reduzido, representando grande parte […]
Para ler a restante notícia, deverá ser assinante do Aurora do Lima. Subscreva uma das assinaturas para ter acesso às anteriores edições do Aurora do Lima. Faça Log in ou assina já.