Dificilmente poderia ser melhor. Vasco Gonçalves (VG), se fosse vivo, na sua imensa modéstia, ficaria de certeza feliz. Uma sala repleta de gente e um grupo de notáveis capitães de Abril que, de forma mais ou menos ativa, participaram no Movimento das Forças Armadas. Uma sala que ouviu com redobrada atenção intervenções que abordaram o […]
Para ler a restante notícia, deverá ser assinante do Aurora do Lima. Subscreva uma das assinaturas para ter acesso às anteriores edições do Aurora do Lima. Faça Log in ou assina já.